Vergonha!

dalai01.jpg

Só políticos cobardes, broncos e sem escrúpulos são capazes de inventar justificações manhosas para sustentar a recusa em receber, Dalai Lama, quando está em causa a defesa dos direitos humanos e das liberdades do Tibete ocupado pela China imperialista e opressora.

O Presidente da República, o Governo português, o ministro dos negócios estrangeiros Luís Amado, o PS, o PSD a que se junta o PCP, recusam-se institucionalmente a fazer o que muitos outros, incluindo chefes do governo de todo o mundo já fizeram; receber o líder espiritual do Tibete e Prémio Nobel da Paz e ouvir as suas queixas contra os atentados aos direitos humanos do povo tibetano, praticados pela China.

A nossa política diplomática é hipócrita e humilha-se aos interesses dos mais poderosos, neste caso para não incomodar a China, como noutras ocasiões, foram a Rússia e são sistematicamente os Estados Unidos.

Tenho vergonha destes políticos de caserna.

Advertisements

4 comentários a “Vergonha!

  1. Esses politicos, eleitos e que representam o povo, mostram uma falta de bom senso, de civismo, falta de respeito o povo do Tibet…
    Esses politicos eleitos pelo o povo não se sabem impôr, teem mêdo
    Quém governa assim, leva o pais a ruina, a falhança..
    Hoje teem medo da China, amanha sera de outro, não sabem mostrar caracter, é ser mesmo fracos…esses politicos eleitos pelo o Povo português.

    Dia bom a ti Fernando !
    um beijo

  2. É a hipocrisia da política portuguesa aliada ao cinismo do imperialismo chinês. Como se Dalai Lama não fosse prémio Nobel da Paz, não defendesse a liberdadedo seu povo, os direitos humanos e a independencia do seu país, valores porque um dia aqui se fez Abril e doravante inscritos na constituição portuguesa.

    Um abraço do Álvaro

  3. Não digo que tenho vergonha deste governo, porque não me revejo nele;

    Não me espanta o papel de Cavaco, estranharia, isso sim era a posição contrária;

    Não estranho as contradições das figuras de proa socialista (leia-se, do PS) estamos mais que habituados, ainda que alguns me pareçam seriamente indignados;

    Não me incomoda a posição do PCP, e da sua suposta defesa das instituições e respeito pelas relações diplomáticas (apesar de “estranhar” a colagem deste partido ao maoismo sem MAO Tse Tung) simplesmente porque não sou do PCP, nem o tenho como referência;

    De igual modo não me aquece nem me arrefece o cinismo do PSD e por acréscimo do CDS, são especialistas nesse papel.

    Incomoda-me – Isso sim! – o silencio que tomou conta deste povo. [De há muito tempo a esta parte, que quem domina intuiu que um povo sem memória, é um povo sem futuro, e desde sempre se serviram, em proveito próprio, dessa amnésia colectiva]. Este não é aquele mesmo povo que se multiplicou em pungentes apelos pela independência de Timor?

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s