Domingos Névoa da Bragaparques vai a Tribunal acusado de corrupção activa.

Tantos falam de corrupção no exercício do poder local. Das ligações perigosas entre os interesses imobiliários e os autarcas. Alguns autarcas, de quando em vez, são pronunciados mas acaba por assentar a poeira mediática e mais tarde ou mais cedo, o assunto morre por ali. Mas até agora, um só autarca, neste país à beira-mar plantado, denunciou uma tentativa de corrupção, a si próprio. Esse autarca, foi José Sá Fernandes, candidato à Câmara Municipal de Lisboa, como independente, pelo Bloco de Esquerda.

Tantos falam de tráfico de influências e ele existe, em particular no sector do urbanismo. Tantos falam disso. São os planos de urbanismo feitos em função dos interesses da especulação imobiliária, são os favorecimentos nos licenciamentos, as falsas fiscalizações, são os interesses dos poderosos a ditar leis, com a conivência dos responsáveis autárquicos.

Ao fim de mais de trinta anos de regime democrático, pela primeira vez, um empresário da área da construção imobiliária, vai a Tribunal acusado de tentativa de corrupção a um autarca.

Só por isso, José Sá Fernandes seria digno da minha admiração e respeito. Alguma coisa mudou no poder autárquico neste país com a eleição de José Sá Fernandes, como vereador.

Venham mais Sá Fernandes!

Anúncios

Um comentário a “Domingos Névoa da Bragaparques vai a Tribunal acusado de corrupção activa.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s