Ai Portugal, Portugal.

milionario.jpg

Os salários dos administradores das empresas cotadas em bolsa são salários milionários, com aumentos que chegam aos 350 por cento.

Segundo um estudo da CMVM (Comissão Mercados Valores Mobiliários), estes números impressionam e contrastam, com uma economia estagnada (crescimento quase nulo) e com a contenção salarial pedida aos trabalhadores.

Nos últimos cinco anos, nas empresas do PSI20, as remunerações dos gestores de topo cresceram 220 por cento, e a dos trabalhadores foi de 15,7 por cento, no total da economia.

A remuneração mensal de um trabalhador médio, em 2005, foi de 8680 euros/ano (620 euros/mês) enquanto a de um executivo, em média, de uma empresa cotada, ronda os 3 500 000 euros/ano (250 000 euros/mês, 50 mil contos na moeda antiga). A título de exemplo, cada administrador da Semapa, recebeu no ano de 2005, o montante de 4,4 milhões de euros, (314 285 euros/mês, mais de 60 mil contos/mês).

Estes salários são escandalosos e são seguramente injustificados. Não reflectem nenhum mérito excepcional, são benesses auto atribuídas, e profundamente injustas para com os restantes trabalhadores.

Segundo o estudo da CMVM, associados a estas remunerações milionárias, que tem gerado polémica nos meios internacionais, estão ainda as responsabilidades financeiras contraídas a médio prazo com as reformas destes Conselhos de Administração, superior a 7,8 milhões de euros, num quadro de cinco a sete administradores por empresa.

E assim se faz Portugal … uns vão bem outros vão uma merda mal.

Anúncios

4 comentários a “Ai Portugal, Portugal.

  1. Grande intervenção do Miguel Portas no programa Prós e Contras, viste?
    O Mário Soares deve ter tomado as gotas porque até teve um dircurso de esquerda. E os dois senhores de direita a defenderem valores de esquerda.
    Eu que julgava já ter visto tudo…

  2. Trilby
    Assisti claro e ouvi o Miguel Portas falar bem, claro e acertadamente como sempre o ouvi e sempre o li. Mas não sei se com esta concordância não corro o risco de ser classificado de “social-democrata” ou apoiante da ala direita do Bloco. 😉 Logo eu, uma espécie de “anarca-comunista”

  3. Sabes, Fernando, eu fui militante da UDP saí triste e desiludida com as políticas internas. Nunca mais fui militante e nunca mais serei. Não suporto os bastidores, as tricas, as manobras e os golpes. Prefiro manter-me de fora para não quebrar o encanto e a ingenuidade com que gosto da política.

  4. Bem falaram todos muito bem só não percebi foi…porque não, tambem o PCP??? Aquela desculpa Horrorosa da Srª fogo…quer dizer!!!!.. Vá agora comecem tambem a dizer o mesmo que ela… và queres ver??? lol

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s