Para além dos discursos.

Segundo um relatório do Ministério das Finanças, reportando-se aos dois últimos anos, mais de metade das famílias portuguesas não auferem rendimentos suficientes para pagar IRS.

Apresento alguns exemplos, de trabalhadores dependentes, isentos de IRS.

Um único titular, não casado, sem filhos, com um rendimento abaixo de 451,88

Um único titular, casado, sem filhos, com um rendimento abaixo de 503,75

Um único titular, casado, com dois filhos, com um rendimento abaixo de 659,48

Um único titular, casado, com três filhos, com um rendimento abaixo de 659,48

Dois titulares, casados, sem filhos, com um rendimento abaixo de 451,88

Dois titulares, casados, com dois filhos, com um rendimento, abaixo de 518,64

Dois titulares, casados, com três filhos, com um rendimento, abaixo de 524,06

Através desta tabela pode ser verificada, a verdadeira dimensão dos salários praticados em Portugal. Apesar da tabela de IRS incorporar isenções para rendimentos muito baixos, mesmo assim, mais de metade da população empregada (trabalho dependente), não consegue atingir os rendimentos suficientes para descontar IRS.

Como conseguirão sobreviver estas famílias?

Anúncios

3 comentários a “Para além dos discursos.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s