Na questão do Aborto, devolvo a acusação. Terrorista …é o Papa.

No supremo lugar do opulento e imperial Vaticano, amparado por uma corte de súbditos escrupulosos e dogmáticos, o capataz do clero, mais os cardeais e patriarcas, arcebispos e bispos, padres e diáconos, mais acólitos, beatos ou beatas, na homilia do Dia Mundial da Paz, veio dizer disparates, em mais uma campanha contra o aborto.

Com a pose e a voz melosa conhecidas e encenadas, o Chefe da Igreja, afirmou que o aborto (e também a eutanásia e as pesquisas sobre embriões) é comparável ao terrorismo ou à morte por fome. Estas afirmações infames, não podem passar sem o meu mais vivo repúdio e indignação.

Uma Igreja católica que cometeu os maiores crimes de que há memória e em nome do purismo religioso, de uma superioridade moral, perseguiu e matou, milhões de pessoas. Uma religião que nas Cruzadas massacrou, assassinou, decapitou, milhares e milhares de pessoas. Que na Inquisição, torturou, queimou vivas mais de um milhão de pessoas, especialmente judeus, muçulmanos, hereges ou “bruxos”. Esta Religião, esta Igreja vem dar lições de moral.

Esta Igreja, este Papa, não respeita sequer muitos dos seus crentes; os que defendem a actual lei e as excepções que podem levar a um aborto ou os que querendo ir um pouco mais longe e recusam ver a mulher julgada, humilhada e previsivelmente condenada, por terem decidido abortar, certamente por razões muito ponderosas, defendem o sim à despenalização do aborto, nos termos da pergunta levada a referendo.

Esta Igreja e este Papa vêm chamar de criminosos de terroristas, quem defende o aborto em determinadas circunstâncias. Vem elevar à condição de criminosos, todos os que defendem a despenalização do aborto realizado até às 10 semanas, por decisão da mulher e se realizado em estabelecimentos de saúde certificados.

A Igreja opulenta e seus servidores, vivem explorando a boa fé e a crença dos seus fiéis. A Igreja que chama de criminosos quem aborta é a mesma que não permite o uso do preservativo, a pílula, ou outro meio eficaz de contracepção é uma Igreja hipócrita e intolerante.

Eu vou votar sim à despenalização do aborto.

Anúncios
por Fernando Publicado em Aborto

6 comentários a “Na questão do Aborto, devolvo a acusação. Terrorista …é o Papa.

  1. Temos que estar preparados, porque os terroristas tudo tentarão para que o SIM não vença. Hierarquicamente o maior cabecilha é o Papa, em Portugal é o Cardeal. Mas, pela calada, também o Governo vai estar ao lado do Cardeal.

  2. Enquanto as igrejas defenderem os seus interesses e não os de Deus (que nos ensina tolerancia, compreensão, sentimento imaterial… sentimento imaterial…), nenhuma igreja serve de exemplo para seguir. Há muito que não há nada de novo.

  3. Pajo
    A minha tomada de posição talvez fosse excessiva, não deixando de ser factual. A Igreja, como qualquer um de nós, individual ou colectivamente, tem o direito de ter uma posição e nós temos de conviver com ela. O que não tem é o direito é de classificar os outros de forma tão monstruosa. É o sim que defende a tolerância e não a Igreja. O Não é que não respeita as opções o direito a decidir de acordo com o código moral e ético de cada um.

  4. Fernando
    A notícia do CM é o exemplo acabado da manipulação jornalística. “A Pessoa Humana, Coração da Paz” não foi nenhuma homilia do Papa. Na homilia de Ano Novo nunca o Papa se referiu ao aborto. E na mensagem nunca compara o aborto ao terrorismo.
    A reacção do porta-voz do patriarcado nada tem a ver com essa polémica levantada pelo jornalista…
    Ontem, Rui Osório, no JN, fez referência, num artigo intitulado “Quando os média treslêem”, aos ecos da Imprensa da homilia do administrador apostólico do Porto e da homilia do Papa. diz ele: “Não importa o que as pessoas dizem se quem as ouve lhes distorce o discurso”

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s